Blog

Pesquisa mostra setores mais caros e mais baratos para alugar imóvel em Goiânia; veja lista

por Diego Siqueira - Publicado em 09 de outubro de 2019
Tempo de leitura 3 min

 

Redação do Portal G1 convidou o gerente da URBS Aluga, Marcell Abranches, para uma entrevista sobre o mercado de aluguel em Goiânia. Confira:

Jardim Goiás é o que tem o maior preço, enquanto o Jardim Europa é o mais acessível entre os analisados.

Uma pesquisa aponta quais os bairros mais caros e mais baratos para se alugar um imóvel em Goiânia. O Jardim Goiás lidera entre os que tem preço mais alto entre os analisados. Já o Jardim Europa é o com preço mais acessível. O Índice FipeZap mostrou que, entre as 11 capitais analisadas, Goiânia é a que tem o aluguel mais barato.

Os dados são referentes ao mês de agosto. A pesquisa mostra que a média de preço do aluguel dos imóveis entre as 25 cidades analisadas é de R$ 28,98/m². Já em Goiânia, o valor médio é de R$ 16,42/m². Isso significa que o aluguel de um apartamento de 60 m² custaria cerca de R$ 985 na capital.

Os bairros mais valorizados segundo o Índice FipeZap são:

  • Jardim Goiás – R$ 25,74/m²
  • Alto da Glória e Redenção – R$23,05/m²
  • Campinas – R$ 19,91/m²
  • Marista – R$ 19,55/m²
  • Bueno – R$ 18,62/m²
apartamento_jardim_goias

Apartamento para aluguel no Jardim Goiás. Imóvel de 77 m² com valor a partir de R$ 3.000,00.

Com isso, nesses bairros, o valor do aluguel de um apartamento de 60 m² pode variar, em média, de R$ 1,1 mil a R$ 1,5 mil. O gerente de locações da URBS, Marcell Abranches de Castro avalia que o resultado se deve à grande valorização que bairros como Jardim Goiás e Alto da Glória tiveram com o desenvolvimento de shopping e a melhoria do Parque Flamboyant.

“Houve um crescimento vertical recente na região, então são apartamentos novos, de alto padrão, com facilidade de deslocamento até o centro e também para sair da cidade. Tudo isso contribui para ter um valor mais elevado”, disse.

Já no bairro de Campinas, o motivo é outro. Devido à existência de um comércio popular intenso, a disponibilidade de imóveis e salas comerciais para se alugar é pouca. Com isso, o preço acaba subindo.

Já os bairros com valor mais barato são:

  • Jardim Europa – R$10,25/m²
  • Aeroporto – R$ 10,75/m²
  • Cidade Jardim – R$ 10,85/m²
  • Setor Central – R$ 11,70/m²
  • Setor Sul – 12,75/m²

Com essas médias, um imóvel de 60 m² pode ter o aluguel variando entre R$ 615 e R$ 765. “São bairros mais antigos, não há uma verticalização recente, então os prédios também são mais antigos. Com isso, o valor acaba sendo menor. Porém, com uma revitalização do centro, por exemplo, esse preço do aluguel pode subir porque haveria uma valorização na região”, explicou.

Sobre Goiânia ser a capital mais barata par se alugar um imóvel entre as 11 analisadas, o gerente de locação avalia que o motivo seja porque a cidade ainda é nova, em comparação às demais analisadas.

“O aluguel é refletido também pelo metro quadrado de venda do imóvel, que é um dos mais baixos aqui em Goiânia. Houve uma expansão recente na cidade, logo aumentou a oferta de imóveis, mantendo o preço baixo”, avaliou.