Mercado e Investimentos

Imóveis em Goiânia: saiba como anda o mercado imobiliário

fevereiro 13, 2019
Tempo de leitura 6 min

Passamos recentemente por uma crise que afetou diretamente todos os setores de nossa economia, incluindo a construção civil e o mercado imobiliário. Entretanto, algumas medidas foram tomadas e o cenário começa a ficar no passado e as perspectivas em relação ao futuro estão cada vez mais melhores. Mas afinal, você qual a situação dos imóveis em Goiânia?

Com o intuito de deixá-lo inteirado sobre o assunto, fizemos este artigo especialmente para você. Iniciaremos o texto abordando sobre o conceito de mercado imobiliário. Em seguida falaremos sobre a situação do mercado imobiliário na cidade de Goiânia atualmente. Por fim, destacaremos as oportunidades deste mercado na cidade, além das tendências que você, como investidor, deve realizar. Confira!

O que é o mercado imobiliário?

Mercado imobiliário envolve a comercialização de terrenos, imóveis construídos ou especulação, quando eles são comprados em zonas desvalorizadas e é aguardada a valorização do local, gerando, assim, enormes lucros para o investidor.

O mercado é altamente dinâmico e complexo. Para entender seu contexto é necessária muita experiência, estudo e um conhecimento amplo sobre as várias condicionantes que interferem no mercado imobiliário, como a política e a economia.

Isso porque vender, comprar ou alugar imóveis é um processo que não permite erros, por se tratar de um ativo de valor alto, o que reforça a necessidade de entender a dinâmica antes de se inserir.

É um processo que demora anos para se consolidar e ter um bom retorno, uma vez que o mercado precisa de tempo para conseguir atender a demanda. Mesmo os investidores que dispõem de tempo e dinheiro para comprar e vender imóveis, precisam de um tempo para esperar a melhor época para fazer a negociação, colhendo, assim, melhores resultados.

Após esta primeira fase, isto é, da aquisição de imóveis, é necessário pular para a parte seguinte, quando os clientes são prospectados e o imóvel deve ser anunciado perante o mercado. Durante o período em que ele ficou parado, as variáveis externas indicam se haverá valorização ou desvalorização do bem, fator de risco que deve ser considerado antes de começar o negócio.

Em caso de compra de terrenos para construção, o investidor precisa estar ciente de que o retorno do investimento pode durar de 18 a 36 meses. Então, é recomendada muita paciência para quem deseja adentrar nesse tipo de negócio.

Há várias maneiras de entrar no mercado imobiliário, como comprando edificações prontas, terrenos vazios, investindo em fundos imobiliários etc. É necessário sempre manter os olhos bem abertos e estar atento quanto às condicionantes do mercado, além das condições da região do imóvel onde foi feito o investimento. Dessa forma, deve-se analisar aspectos como infraestrutura, serviços e potencial de crescimento.

Como está o mercado imobiliário em Goiânia?

O setor imobiliário em Goiânia é muito promissor, pois tem apresentado resultados favoráveis nos últimos meses. O número de imóveis vendidos, por exemplo, aumentou 48% no primeiro semestre de 2018, o que mostra que a demanda tem crescido. Vale ressaltar que esta evolução está muito acima da média nacional, que foi de 17%.

Os imóveis que estão alavancando as vendas em Goiânia são os de valor entre R$ 190 mil e R$ 400 mil reais. Um dos fatores apontados por especialistas para esse progresso das vendas é o crescimento do agronegócio no Estado de Goiás, especialmente em regiões próximas à cidade de Goiânia.

Outros fatores como juros baixos para financiamento imobiliário, além de inflação controlada, são apontados como causas para o boom imobiliário que estamos vivendo, e que tende a progredir ainda mais nos próximos anos.

Outro ponto de destaque é a maturidade e a consolidação do setor imobiliário na cidade de Goiânia. Desde o início da década é ele apontado como um setor maduro e de franco crescimento. Outo aspecto que deve ser destacado acerca dos imóveis de Goiânia é que eles apresentam o segundo metro quadrado mais barato do país entre 20 cidades estudas pelo FipZap, o que destaca a viabilidade de investimento.

Além disso, o mesmo estudo expõe a qualidade do mercado imobiliário de Goiânia, que, por apresentar grande concorrência, costuma entregar imóveis com mais qualidade. Em geral, há entrega de apartamentos completos, decorados e equipados, enquanto em outras regiões isso é mais difícil de acontecer.

Quais são as oportunidades e tendências do momento para os imóveis em Goiânia?

Conforme apresentamos ao longo do texto, o cenário é de recuperação econômica e o setor da construção civil é um dos que mais tem impulsionado essa recuperação. A inflação controlada é um dos fatores que auxilia e também uma das causas que faz com que indiquemos uma tendência para quem deseja investir no mercado imobiliário: comprar apartamento pronto.

Isso porque, com a inflação baixa, você pode fazer grandes investimentos sem o risco de perder dinheiro, o que se tornou um perigo entre os anos de 2014 e 2016. Além disso, o país vivia uma época de supervalorização imobiliária, por conta de grandes eventos que foram realizados, como a Copa do Mundo e as Olimpíadas.

Após esse período de euforia, chegou o pico da crise e os preços tiveram que ser readequados. Logo, um período de estagnação serviu para o mercado se reencontrar e voltar a crescer, fato que já está ocorrendo. Conforme alertamos anteriormente, o metro quadrado da cidade de Goiânia é baixo, o que abre boas perspectivas para comprar imóveis prontos e esperar a sua valorização.

Dessa forma, apartamentos, escritórios e casas são uma boa alternativa para investimento, além de terrenos propriamente ditos. Entretanto, os apartamentos devem ser a prioridade, principalmente em regiões de expansão da cidade, que têm mais perspectiva de crescimento no médio e longo prazo, e, portanto, trarão maior retorno financeiro.

Sendo assim, os imóveis em Goiânia representam uma ótima oportunidade de negócios. Siga as dicas que demos ao longo do texto, mantenha-se sempre informado sobre as condições da área, além das opções de financiamento existentes, e se torne mais um investidor no mercado imobiliário.

Gostou deste texto que fizemos sobre a situação do mercado imobiliário em Goiânia? Então curta a nossa página no Facebook e receba mais conteúdos como este diretamente no seu feed! 

Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe um comentário