Blog

apartamentos compactos

Apartamentos compactos: o que são e por que são uma tendência?

por URBS Imobiliária - Publicado em 25 de março de 2019
apartamentos compactos
Tempo de leitura 7 min

Uma das maiores tendências nas grandes cidades é a dos apartamentos compactos. Perfeitos para quem prefere passar mais tempo fora e aproveitar o universo à sua volta, eles vêm conquistando a preferência de jovens e adultos que usam a casa apenas para recarregar as baterias e manter os pertences em ordem.

Novos queridinhos do mercado imobiliário, cada vez mais procurados pelo público, estes imóveis são uma ótima alternativa tanto para quem busca oportunidades de investimento lucrativas para locação mensal ou por temporada, quanto para quem deseja viver nos centros urbanos para estudar ou trabalhar — mas ainda está conquistando sua independência financeira.

Quer saber tudo sobre os apartamentos compactos e como melhor aproveitá-los para atingir seus objetivos como investidor? Basta continuar a leitura para descobrir!

O que são apartamentos compactos?

Ofertas sob medida para atender às demandas do público — essa afirmação é um dos maiores norteadores do mercado, que trabalha para oferecer aquilo que percebe como necessário ou desejável. E o que pode ser mais fundamental do que se ter um lugar para morar?

A grande questão é que o metro quadrado nas cidades mais habitadas é cada vez mais valioso, principalmente nos bairros centrais, próximos à infraestrutura de comércio e transporte.

A solução encontrada é a dos apartamentos compactos. São pequenas unidades habitacionais com até 45 metros quadrados de área útil, feitos para quem não tem tempo ou disposição para ficar em casa.

Este estilo de morar já é conhecido em outras megalópoles pelo mundo afora (Nova York e Tóquio, principalmente), mas virou tendência há pouco tempo no país. Em São Paulo, por exemplo, os compactos já representam metade dos lançamentos imobiliários. Para os próximos anos, podemos também esperar o aumento dos prédios com minicasas.

O que caracteriza um apartamento compacto?

Você deve estar se perguntando como identificar um apartamento que seja, de fato, compacto. Explicamos, a seguir, as principais características desse tipo de imóvel.

Área útil reduzida

O tamanho do apartamento depende do empreendimento, mas o adjetivo “compacto” já diz tudo: são pequenos espaços habitacionais. Contudo, é interessante notar que nem sempre ele é sinônimo de falta de espaço ou ambiente apertado. Cada vez mais designers e arquitetos se especializam em criar soluções inteligentes para o aproveitamento estratégico de cada centímetro disponível.

Integração parcial ou total

Por serem pequenas, é normal que estas sejam construções sem paredes (o que pode, ou não, incluir o banheiro). A ideia é ter um espaço básico e descomplicado para dormir, tomar banho e trocar de roupa. Não é incomum que a cozinha se resuma a um forno de microondas e a uma minigeladeira, já que a oferta de restaurantes e delivery tende a ser farta.

Área de serviço inexistente

A questão da lavagem de roupas costuma ser uma dúvida bastante comum. O brasileiro ainda é acostumado a ter em casa um espaço próprio para fazer este serviço. Entretanto, principalmente nos novos condomínios, o mais usual é que a lavanderia seja comunitária (ao estilo pague-pra-usar). Além disso, lojas com este serviço estão se tornando mais comuns para atender a demanda.

Localização central

Esta característica é a grande razão para a existência deste tipo de residência. São os apartamentos que corretores costumam definir como “pertinho de tudo”: comércio, escritórios, mercado, transporte, grandes vias de acesso etc.

Dependendo do perfil de público do empreendimento, os apartamentos compactos também podem estar próximos a universidades ou hospitais, focando em estudantes e médicos recém-formados ou em final de curso.

Qual o perfil de morador deste tipo de imóvel?

O estilo de vida das pessoas dizem muito sobre suas moradias. No caso dos apartamentos compactos, eles servem principalmente às seguintes categorias.

Jovens

Aventureiros quase que por natureza, os jovens costumam tirar bastante proveito de um apartamento compacto, pois quase não passam tempo em casa e querem usufruir da recém-adquirida liberdade — a vida longe dos pais.

Estudantes

Os estúdios e quitinetes são uma opção viável para universitários que vêm de outras cidades, Estados e até mesmo países para fazer faculdade. Mais baratos do que um apartamento padrão, oferecem a privacidade que não encontram em repúblicas, pensões e outros tipos de moradia coletiva.

Trabalhadores sem família

Outra categoria comum de moradores em pequenas unidades é a das pessoas solteiras ou recém-divorciadas. A faixa socioeconômica deste perfil de público pode variar até o alto luxo, em condomínios com as mais diferentes facilidades, incluindo o serviço de concierge e arrumação — o mais próximo da vida em hotel no cotidiano.

Jovens casais

Em imóveis menores, os jovens casais procuram um refúgio. Trabalham bastante e têm o objetivo de economizar para comprar o próprio imóvel, encontrando no aluguel barato a chance perfeita para atingi-lo.

Viajantes

Algumas pessoas ainda optam pelo estilo de vida compacto para investir em viagens constantes. No geral, querem praticidade: bater a porta e sair pelo mundo. Os aplicativos para viajantes abriu uma nova perspectiva de mercado, inclusive: aluguel de apartamentos para temporada.

Pessoas que preferem um ambiente menos impessoal do que quartos de hotel, ou que pretendem fazer uma estadia mais longa procuram estes espaços prontos para entrar e aproveitar.

Quais as vantagens de se viver em apartamentos compactos?

As informações provavelmente já ficaram claras até agora, porém é interessante mencionar: este não é um estilo de vida para todos. Quem tem família ou gosta de espaço amplo provavelmente encontrará sérias dificuldades de adaptação (e talvez nem consiga viver neste formato).

Mas há quem encontre nos apartamentos compactos a melhor solução para as suas questões de moradia — principalmente quem se encaixa nas categorias abordadas no tópico anterior. Afinal, para eles, os apartamentos compactos têm uma série de benefícios, como os listados a seguir.

Socialização

Nos modernos condomínios de pequenas unidades, é cada vez mais comum o foco na socialização e no coliving (economia colaborativa). Os espaços coletivos são pensados para que as pessoas possam se conhecer e interagir, promovendo a amizade e o networking. São lounges, escritórios compartilhados, jardins, academias, lavanderia e, em alguns casos até mesmo cozinhas compartilhadas.

Valor

Seja para comprar ou para alugar, os compactos costumam ser bem mais acessíveis, principalmente quando comparados aos imóveis de tamanho padrão e considerando sua localização, estrutura de lazer e segurança oferecida.

Este é um ponto positivo também para investidores, que podem adquirir uma ou mais unidades para revenda ou locação. E, por conta da alta procura, são imóveis que ficam pouco tempo vazios, especialmente aqueles que já são mobiliados e decorados.

Manutenção

Quem opta por ter na casa uma base para suas aventuras na cidade normalmente quer ficar longe das maçantes tarefas domésticas. Por que, afinal, perder um domingo fazendo faxina, quando seria muito mais agradável aproveitar a folga (tão merecida!) curtindo com os amigos ou relaxando na cama?

A manutenção dos apartamentos pequenos é muito mais rápida e fácil, quando comparada aos imóveis maiores. E, para quem tem certa disponibilidade financeira, pode até mesmo ser terceirizada.

Vale ressaltar que um projeto sob medida de decoração para o ambiente é sempre a solução mais adequada para eliminar a sensação espaço pequeno. Porém, para quem se dispõe — e tem habilidade — para a realização da tarefa, existem cada vez mais referências incríveis disponíveis na internet.

Esperamos que você tenha gostado de aprender mais sobre esta nova maneira de viver nas grandes cidades. Aproveite a alternativa para investir nos apartamentos compactos a fim de ampliar o seu patrimônio, maximizando as chances de lucro.

Para ter acesso a outros artigos sobre o mercado imobiliário e soluções para a decoração do lar, não deixe de assinar a nossa newsletter. Afinal, conhecimento nunca é demais!